Vamos começar bem o blog com uma receitinha rápida mas super charmosa!

A receita original é desse site, mas está em inglês e a agulha usada é outra da que usei. O original é assim:

img_4977-580x580

A minha capinha ficou assim:

img-20170117-wa0008

Dados técnicos:

  • Fio: Anne (Círculo), nas cores 3528 e 7684.
  • Metragem: é muito pequena então esse projeto é ideal para restos de novelos grandes (como o Anne 500m).
  • Agulha: 2mm.
  • Tamanho: 17cm x 8cm, para um celular de 14cm x 7cm. Altere a quantidade de corr. iniciais e a quantidade de carreiras para celulares de outros tamanhos.
  • Dificuldade: média.

Dica:

Apesar dessa peça ser trabalhada em tubo (o último ponto de cada carreira é unido ao primeiro), troque a direção do trabalho a cada nova carreira como você faria em uma peça retangular.  Isso evita que os pontos pareçam inclinados, como estão na foto da receita original.

Como adaptar:

O total de “conchas” vermelhas em cada carreira é 15. Cada concha tem aproximadamente 1 cm, e ocupa 3 das corr. de base. Para cada cm a mais ou a menos da largura do seu celular (o meu é 7 cm), adicione ou retire 3 corr. de base  (ou seja, 1 concha). Quanto ao comprimento, fica a seu critério quantas carreiras fazer.

Abreviações:

corr. = corrente

pb. = ponto baixo

p.bxss = ponto baixíssimo

ponto V = [1 pa., 1 corr., 1 pa.] no mesmo ponto

Receita:

Parte 1:

– Com o fio bege, comece com 18 corr. de base.

– 1ª carreira: faça 1 corr. para subir, e então 2 pb. na 18ª corr. de base. *1 pb. na próxima corr.*, repita * até chegar na 1ª corr. de base. Faça mais 4 pb. na mesma corr. Volte repetindo * até chegar na 18ª corr. de base. Faça mais 2 pb. na mesma corr. e una com p.bxss à corr. do início da carreira. Um pb em cima e outro embaixo de cada corrente de base, com 5 pb nas duas extremidades = 42 pontos.

– 2ª carreira: faça 1 corr. para subir, mais 1 pb. no mesmo ponto. *1 pb. sobre o próximo pb*, repita * até chegar na outra extremidade (ponto 21 da carreira anterior), e então faça 2 pb sobre esse ponto. Repita * novamente até o final. Una com p.bxss à corr. do início da carreira. Um pb sobre cada pb da carreira anterior, com 2 pb nas extremidades = 44 pontos.

– 3ª, 4ª, 5ª, 6ª e 7ª carreiras: faça 1 corr. para subir, *1 pb. sobre o próximo pb*, repita * por toda a carreira. Una com p.bxss à corr. do início da carreira. Um pb sobre cada pb da carreira anterior = 44 pontos.

obs: você pode fazer menos do que 7 carreiras de pb. se preferir.

Parte 2:

– 1ª carreira: faça 3 corr. para subir (contam como primeiro pa.), 1 corr. de espaço, e então 1 pa. no mesmo ponto. Pule uma corr. de base, *[1 pa., 1 corr., 1 pa.] no próximo ponto, pule 2 corr.*, repita * até o final. Una com p.bxss à 3ª corr. do início da carreira. Termina com 15 pontos V (1 pa., 1 corr., 1 pa.)

-2ª carreira: em um dos espaços de 1 corr. da carreira anterior, amarre o fio vermelho. Faça 3 correntes para subir, e mais 2 pa. no mesmo espaço; *no próximo espaço, faça 3 pa*, e repita * até o final. Una com p.bxss à 3ª corr. do início da carreira. Termina com 15 conchas vermelhas.

– A partir deste ponto, é mais intuitivo seguir as fotos e o gráfico da receita original:

img_4976

Obs.: repito que essas fotos não são minhas e o crédito da receita vai para o site fionitta.com. Porém, a página original está em inglês e quase não tem instruções escritas, então o objetivo desse post é compartilhar o que eu tive que desvendar só vendo as fotos.

Obs. 2: para as carreiras de concha vermelha, suba com 3 corr. por cima do bege, sempre do mesmo lado. Dessa forma, quando o trabalho terminar, você pode virar a capinha do avesso e essas corr. vermelhas ficarão escondidas. Lembre também que como o fio Anne é mais fino, estamos fazendo mais conchas do que nas fotos originais.

– Termine numa carreira de pontos V, com o fio bege. Corte e arremate o fio vermelho.

Parte 3:

– 1ª carreira: 3 pb. no espaço de cada ponto V da carreira anterior. 45 pontos.

– 2ª, 3ª e 4ª carreiras: 1 pb. sobre cada pb da carreira anterior. 45 pontos.

5ª carreira: 1 pb. sobre cada um dos 6 primeiros pb. Faça então 9 corr. de espaço, pule 9 pb de base, 1 pb sobre cada um dos próximos 14 pb, mais 9 corr. de espaço, pule 9 pb de base, 1 pb sobre cada um dos próximos 7 pb. 45 pontos.

– 6ª carreira: 1 pb sobre cada pb e 1 pb sobre cada corr. da carreira anterior. 45 pontos.

– 7ª carreira: 1 pb. sobre cada pb da carreira anterior. 45 pontos.

– Corte e arremate o fio bege. Com uma agulha de tapeçaria ou com a própria agulha de crochê, esconda os fios soltos. Lembre-se de virar o trabalho do avesso, e pronto!

capinhaconchas
Ó que coisinha mar linda que fica minha gente

Uma boa ideia a mais é costurar um revestimento e adicionar um fecho com zíper, ou então com botão. Fica por conta da sua criatividade! E se você experimentar essa receita, por favor tire uma foto e mostre pra mim no twitter em @luisam_mattos, vou adorar ver!

Agora, se você gostou da capinha mas não quer fazer, você também pode encomendar a sua! São apenas R$ 20,00 e você pode escolher quaisquer cores e tamanho 🙂 .

Por hoje é isso. Em alguns dias volto com uma nova receita pra gente juntar linhas e agulhas e crochet away!